quarta-feira, fevereiro 22, 2006
 
O Panteao Lusitano Iberico eh profusamente rico e tribal. Os nossos Deuses existem nas antigas regioes da Betica, da Lusitania e da Calaecia, e entre varias Divindades, cultua-se:

Endovelico o Deus Curador e do mundo subterraneo, Ategina A Deusa Mae,
Trebaruna A Guerreira e Protectora, Bonconcios O Guerreiro, Tongoenabiagus O Fertilizador, Tanira A deusa das Artes, Nabica A Ninfa das Florestas, Aernus O senhor dos ventos do Norte e Brigantes a Deusa guerreira.

Sobre Brigantes Esta divindade eh resultante da influencia dos povos do norte da Europa nas terras da Iberia A qual nao tem nada a ver com Briga ou Brigit dos celtas.

Nos, feiticeiros Ibericos seguimos os actuais calendarios usados na Wicca, embora haja calendarios vivos que a propria Tradiçao nos ditou atraves dos tempos. Na Nossa Tradicao ha Celebracoes anuais basicas, O nascimento, O crescimento, O Apogeu e O Rito aos Idos aonde visitamos o Rio do Esquecimento, para cultuar os nossos antepassados idos.

A tradicional estatua do Guerreiro Lusitano, erecto com um escudo (redondela defensiva) adiante, que se aprende na Histografia oficial, como sendo um convencional soldado da Lusitania, ou ate mesmo Viriato, na realidade e a configuracao simbolica do Deus Solar
Endovelico, cuja redondela tao so designa o circulo do Sol.

Os Lusitanos prestavam o cutlo a Bel, divindade semelhante ao Melkitsedek biblico. Em formosas antas e antelas junto a lagos ou a rios em bosques sagrados por eles, invocavam os Deuses ctonicos da Natureza oferecendo pAo e vinho a Bel, consagrado Espirito Universal e mel e flores a Belas, consagrada Alma Universal, durante os periodos de Pleniluneo.

Usualmente, na Tradicao Iberica o culto eh dirigido, tal como na Wicca, a uma Deusa e a um Deus mas, tambem, cada Divindade pode ser adorada individualmente.

Cada Divindade iberica (Lusitana) tem os seus atributos e eh de grande importancia no uso de objectos adequados e os cultos em locais apropriados, salvaguardando a situacao urbana do nosso seculo, pode-se adorar, por exemplo, Tongoenabiagus em casa. Quando se trata de Divindade de cura e das nascentes, se for no interior, representa-se simbolicamente com o elemento Agua. Abrir um Circulo para Ategina, ou para a Deusa Trebaruna, entra-se em conexao com a Deusa, honrando os nossos Deuses eh prestar a melhor homenagem e entrar nos seus Misterios. Por exemplo, Endovelico, eh o Deus protector de Portugal, representado mais tarde pela figura do Arcanjo Miguel. Estes sao os misterios de um Portugal simbolico...


Transcrito por: Luthien Numenesse

1 comments

1 Comments:

At 7:43 da tarde, Blogger cassandra said...

dei com este site sem kerer e fiquei fascinada, pois há algum tempo ke procuro saber sobre os deuses ibéricos ke sei ke foram venerados mas nao se fala nada acerca.um trabalho fantástico. obrigada por partilharem.

 

Enviar um comentário

<< Home


 
sobre nos
Eamane,Luthien e Croag Filliu

Com este blog pretendemos publicar textos, pensamentos e pesquisas feitas por nos sobre o mundo pagao. Esperemos que gostem. Blessed Be!

Click Play and wait..

Way to Mandalay - Blackmore's Night
outros mundos

Portugal Magicko
Eaystcheyl
Vento(s)oltos
Undomiel
Noiterie
Eamane Gallery
Luthien Gallery








  Photo Copyright © stock.xchng
Webset Copyright © Blogfrocks